sexta-feira, setembro 08, 2006


“Um guerreiro da luz nunca esquece a gratidão.
Durante a luta, foi ajudado pelos anjos; as forças celestiais colocaram cada coisa em seu lugar, e permitiram que ele pudesse dar o melhor de si.
Os companheiros comentam: "como tem sorte!". E o guerreiro ás vezes consegue muito mais do que sua capacidade permite.
Por isso, quando o sol se põe, ajoelha-se e agradece o Manto Protector à sua volta.
Sua gratidão, porém, não se limita ao mundo espiritual; ele jamais esquece os amigos, porque o sangue deles se misturou ao seu no campo de batalha.
Um guerreiro não precisa que ninguém lhe recorde a ajuda dos outros; ele se lembra sozinho, e divide com eles a recompensa.”


“Todos os caminhos do mundo levam ao coração do guerreiro; ele mergulha sem hesitar no rio de paixões que sempre corre por sua vida.
O guerreiro sabe que é livre para escolher o que desejar; suas decisões são tomadas com coragem, desprendimento, e - as vezes - com uma certa dose de loucura.
Aceita suas paixões, e as desfruta intensamente. Sabe que não é preciso renunciar ao entusiasmo das conquistas; elas fazem parte da vida, e alegra a todos que delas participam.
Mas jamais perde de vista as coisas duradouras, e os laços criados com solidez através do tempo.
Um guerreiro sabe distinguir o que é passageiro, e o que é definitivo.”


Paulo Coelho in “Manual do Guerreiro da Luz”


Quantos de nós já nos deparámos com estas situações, quantos de nós já nos sentimos assim??!?
Quantas vezes nossos amigos, nossos companheiros já comentaram “como tem sorte”, em determinados momentos da vida, quando muitas vezes essa sorte foi conquistada quase a “ferro e fogo” por nós?!?
Mas será que nos lembramos tantas vezes que se chegámos ali, foi muitas vezes com a ajuda não só do Divino mas também de nossos companheiros?!?
Sim é verdade que todos os caminhos do mundo levam ao nosso coração, mas será que “mergulhamos sem hesitar no rio de paixões que corre por nossa vida”?!?
Será que “aceitamos as nossas “paixões e as desfrutamos com intensidade”?!?
Uma coisa é certa, sabemos “distinguir o que é passageiro, e o que é definitivo”, então porque não vivemos nossas vidas e deixamos os outros viverem as deles, porque será que sempre olhamos para o lado e tentamos ver o defeito nos outros, porque não corrigir os nossos.
Um amigo meu diria assim; - “Porque somos humanos.”
Eu diria; - “Talvez porque temos medo de nos ver a nós próprios”
Meus quiduxos não tenho pretensões de saber escrever, aliás eu sei que esse é um dom que eu não possuo, apenas sei falar, e é isso que aqui faço, falo, e sei também que tenho sentimentos, sei que posso tentar mostrar o que sinto e o que gostaria que de ver no mundo que me rodeia, sempre algo de belo.
Aproveito para desejar a todos vocês meus anjos um lindo e maravilhoso fim de semana e uma semana cheia de paz, amor, harmonia e muita luz em vossos doces corações.
Bjokas mil e xi – corações.

11 Comments:

At 8:44 da manhã, setembro 09, 2006, Blogger Luna said...

Infelizmente a maior parte das vezes o nosso orgulho é como uma névoa que nos tapa a realidade e não descobrimos como nos ajudam, depois esperamos sempre grandes coisas e não damos o real valor ás pequenas que nos aparecem e são como a mão dos anjos a mostrar-nos o caminho.
Há algum tempo que ando para te dizer isto, acho tão terno da tua parte nos chamares anjos,nós seres com tantos defeitos,com tanta imperfeição,mas como por vezes digo as palavras tem tanta força, eu sinto-me simplesmente um demonio, mas quando me chamas de anjo , parece que se me adoça o coração.
beijinhos de bom fim de semana

 
At 2:52 da tarde, setembro 09, 2006, Blogger sem-comentarios said...

Eu gosto muito de vir aqui e ler as tuas mensagens :)
de certa maneira, elas transmitem me paz .

Obrigada por esses momentos, Alvaro.

Jinhos e boa semana

 
At 5:16 da tarde, setembro 09, 2006, Blogger Por uma lagrima said...

Pois...!
As palavras de Paulo Coelho entram como flechas no coração de quem procura PAZ...
Já o li, mas com este acompanhamento musical...adorei.
Beijo do tamanho do mundo

 
At 2:09 da tarde, setembro 10, 2006, Blogger Anjinha said...

owa :o)
cai aqui sem querer :o) mas ainda bem que isso aconteceu :o)
belas palavras :o)

Um beijinho

 
At 2:02 da tarde, setembro 11, 2006, Anonymous HumbertotheWizard said...

O que seria de nós, se tivéssemos de enfrentar sózinhos as tempestades da vida? E como poderíamos aprender a vislumbrar a vida tal como ela é, fugaz e impermanente, se não tivessemos a presença de alguêm que por simples gosto ou paixão não sei, sentísse por nós o mais precioso dos sentimentos? A amizade é aquela água cristalina que purifica e revitaliza a vida dos sêres, e é por meio dela que ficamos a entender o idioma da vida, naquele capitulo onde ela tem mais encanto. Agora, a amizade não é fictícia, nem deve ser feita de aparências ou fornecer palha para ilusões. Fingimento, irrealidade e falsidade são condimentos subjacentes a um interesses egoístas, e estes óbviamente jamais poderão entrar no circulo da amizade, pois essa é feita de transparência e sinceridade, e não existem amizades mascaradas. Existem sim amigos de ocasião, que utilizam o nome inocente da amizade, para estabelecerem uma base de entendimento para darem continuidade ás suas conveniências estritamente pessoais. Os amigos devem-se conhecer na alegria, mas tambem na tristeza, porque é assim que ela funciona, como um entreposto de entreajuda, e auxilio mútuo e desinteressado, do eu dou-te a ti e tu dás-me a mim. Os amigos compreendem-se uns aos outros porque falam a linguagem que vem de dentro do coração, que unifica os homens á volta de um único propósito. Serem humanos. Muitas felicidades para o Álvaro, desejando-te um óptimo dia, e escrevinhando que na amizade, os horizontes são ilimitados.

Dominio dos Anjos

 
At 4:45 da tarde, setembro 11, 2006, Blogger vero said...

" Todos o caminhos do mundo levam ao coração do guerreiro..." Adorei ler-te!!!
Beijinhos***

 
At 4:33 da tarde, setembro 12, 2006, Blogger dreams said...

somos luz, inventando a forma... e dentro de cada um de nós vive um guerreiro da luz, se bem que alguns continuam um pouco adormecidos...

consegues então enganar bem, porque me parece que escreves e bem, conseguindo colocar emoção em todas as tuas palavras...

um beijo doce *
“·.¸Dreams¸.·”

 
At 3:07 da tarde, setembro 13, 2006, Anonymous Thinker said...

Ser um guerreiro de luz e ser coerente no caminho, nas atitudes, na resistência.. É vencer com mestria os desafios, é encontrar nos outros âncoras de balanço, seguir em frente... Ser geurreiro de luz é vencer as batalhas com um sorriso, sem magoa nem rancor, ... ser guerreiro de luz é ser feliz no encontro da simplicidade sentida :)

Adorei este teu excerto e as palavras qu depois acrescentas-te... as minhas são apenas mais algumas... definir um guerreiro de luz e como definir um pilar de Deus :)

Regressado da Pausa, aqui estou eu com novas partilhas, obrigado pelas palavras que foste deixando nesses instantes de ausência :)

Abraço,

Nuno (Thinker)

 
At 3:09 da tarde, setembro 13, 2006, Anonymous Thinker said...

Esqueci-me de deixar presente... Eu próprio li este livro recentemente... e identifico-me com tantas das sensações respiradas dum guerreiro de luz.... Paulo Coelho... :)

 
At 8:13 da tarde, setembro 13, 2006, Blogger Mikas said...

As tuas mensagens são fantasticas.
Sabes, às vezes é necessário ter um coração de guerreiro para enfrentar esta vida.

Um abraço `*

 
At 4:05 da tarde, julho 07, 2008, Blogger Taro Celta on line said...

Cheguei aqui porque estava procurando um texto do Guerreiro da Luz, eu os tenho todos gravados na mente mas as vezes preciso procurar esta ou aquela passagem, este livro é meu guia... desde sempre!!

Parabéns pelo blog! se puder visite o meu!!!

http://tarocelta.blogspirit.com/

Abraço
Syllefaye

 

Enviar um comentário

<< Home